terça-feira, 1 de abril de 2014

Somethings!

Quer saber? Cansei. Cansei desse mundo onde os sorrisos são falsos. Os abraços frouxos. E as palavras descartáveis. Cansei desse mundo onde as pessoas tem preço, não valor. Onde beleza, vale mais que caráter. E uma conta bancária, fala mais alto que o coração. Cansei desse mundo onde não podemos confiar em ninguém. O amigo que te abraça hoje, é o mesmo que te ataca amanhã. Cansei desse quase amor. Cansei dessa quase felicidade. Desse quase abraço. Desse quase sorriso. Cansei do quase, quero coisas completas. Quero um mundo completo. Quero pessoas completas. Dizem que tudo na vida, é questão de ponto de vista. Eu só queria ser um pássaro, e vê o mundo de cima. Quem sabe se lá do alto as coisas não são mais coloridas? As pessoas não são mais verdadeiras? Quem sabe se lá do alto, eu não encontro pessoas que conservem os valores da vida, e que gostem dos outros, pelo o que é, não pelo que tem? Sim, eu acredito. Acredito que em algum lugar desse extenso horizonte existam pessoas reais. Pessoas que abracem com o coração, e que dancem com a alma. Pessoas que não acreditem só nos sonhos, mas também na realizações deles. Então qualquer dia desses ai, eu subo no andar mais alto de um prédio, e pulo de paraquedas pra ver a vida de cima. Se o paraquedas não abrir? Tudo bem. Eu já estou cansado dessa vida mesmo. — Albert Matarazzo
Há 1 mês atrás resolvi mudar todas as minhas amizades, mudei com pessoas que eu achava que seria pra sempre, mudei porque era necessário, mudei porque tudo que lhe faz mal, que não acrescenta na sua vida, deve ser retirada dela, talvez faça falta, mal as coisas começam a melhorar quando mudanças são tomadas. Talvez, mas só talvez, quando você deixar todos e tudo, e começar a ver a vida de outro angulo, tudo faça sentido.

Um comentário: