segunda-feira, 31 de agosto de 2015

Relacionamento indeciso, Porque continuar?

“Tudo tão vago, Não diz que me quer, mas não me solta para viver em paz. O que você quer?” - Caio Augusto Leite


Começarei dizendo que eu passei alguns meses envolvido em um relacionamento incerto e vou garantir a vocês que nunca tive algo tão desgastante quanto isso. Pois é, quem nunca viveu algo parecido com isso alguma vez na vida? Bom, tudo acontece quando você conhece alguém, faz amizade e começa a ficar com ela (ele)  e vão ficando com mais frequência,  isso vai se estendendo durante semanas, e na sua cabeça você acha que vocês já tem algo juntos, (claramente sou eu fazendo papel de trouxa novamente) , contudo, aquela pessoa que você esta se envolvendo, decide que quer ficar com outras pessoas,  sair para festas sozinho e curtir a vida, mesmo ficando contigo durante semanas. E você faz o que? Você faz a mesma coisa, porque convenhamos, mesmo morrendo de ciúmes, se dilacerando por dentro, tu é trouxa mais nem tanto, mas no momento em que ele (a) fica sabendo que assim como ele (a), você também resolveu sair e curtir, ele(a) vem atrás arrependido, tem crises de ciúmes, e vocês voltam a ficar, e você achando que desta vez vai. E quando as coisas começam a dar certo, vocês começam a sair juntos, fazer programas a dois, estão com mais intimidade,  ele(a) solta um “ Olha, não quero que você se apegue a mim, nós somos só amigos.” , NÃO! PERA AI! [ agora é aquela hora que você está olhando com cara de trouxa para ela (ele) sem saber o que dizer, seu coração sendo quebrado em mil pedaços, você querendo chorar e dar um soco na cara dela(dele) , seu olho lacrimejando, seu beiço tremendo,  e a única coisa que sai da sua boca é um] Tá! Mas nesta altura do campeonato, você já esta mais que apegado (a) a ela (ele) e ainda é obrigado a olhar para a cara do (a) Filho (a) da puta e fingir que esta tudo bem e que você não tem sentimento algum por alguém que você ficou durante alguns meses, dai vem a pior parte, porque você não faz ideia do que você vai fazer quanto a isso.
Então te darei duas opções, ou você continua ficando com a pessoa, sofrendo, acumulando sentimentos, sentindo ciúmes e sabendo que nunca terá nada com ela(ele). Ou você pode acabar com esta palhaçada e sair para festas e começar a tratar ela (e) com indiferença. No meu caso, preferi ficar com a segunda opção, Seja indisponível, as pessoas gostam daquilo que não tem. Porque como dizem por ai, as pessoas dão valor naquilo que não tem, e esta é a mais pura verdade, porque quando você parar de tratar como prioridade quem te trata como opção, o jogo vira, e te digo mais uma coisa, quanto mais você correr atrás de alguém, mais este alguém vai fugir de você, então comece a fugir para ver se assim ele(a) corre atrás. E isso vai acontecer, pode ter certeza, porque ninguém gosta do que é disponível demais,  ninguém gosta de saber que ficou como opção na vida de alguém. Assim como ninguém merece ser feito de trouxa por alguém que não sabe o que quer para a própria vida e só pensa em iludir o outro.
Então põe um ponto final nesta história, chega de reticencias, ficar acumulando sentimentos por alguém que não sabe o que quer não lhe levará a nada. Só lhe trará sofrimento e acúmulo de energias ruins, isso vai acabar lhe desgastando, e não lhe fará feliz.


“Por incrível que pareça, as pessoas erradas aparecem exatamente na hora certa e já chegam nos tirando o chão.”-  Isabela Freitas

4 comentários:

  1. Completamente sem palavras... A verdade nua e crua...Arrasou na dissertação 😉 😔

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu fico me perguntando se muita gente ja passou por coisas que eu ja passei, e fazendo o blog, vejo que nós temos tantas coisas em comum, e é tão bom ver que estão lendo meus post, muito obrigado por estar acompanhando Luana, espero que goste dos proximos.

      Excluir
  2. Eu li e meu coração recebeu isso como um "tapa na cara" hahaha preciso aprender a escolher a segunda opção, porque, sim, eu sou trouxa o suficiente para tentar algo mesmo sabendo que a pessoa não vai mudar de opinião. Estou amando as suas postagens, e espero que o seu blog continue assim, me auxiliando nessas coisas hahaha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acupofluv, Muito obrigado pelo incentivo, são comentários semelhantes aos seus que me incentivam a continuar a escrever. Eu ja levei muitos tapas na cara, e ainda levo lendo meus próprios texto, pois acredito fielmente que ainda tenho muito a aprender, mas vou te dizer uma coisa, com o tempo aprendemos a nos valorizar e abrimos os olhos para certas situações, e vou te dar uma dica, e reflita sobre isso, se esta relação te faz mais mal do que bem, compensa insistir? Bom, eu espero continuar te ajudando e me ajudando. Obrigado de verdade pelo apoio.

      Excluir